Arquivo da tag: medo

A liberdade e o trapezista

Imagem

Necessidades se medem pelo imperativo da ausência.
Comida, amor, água, admiração, carinho, sexo, sol, respeito, atenção … e, sobretudo, liberdade … o tempo, multiplicador da carência, determina o preço que estamos dispostos a pagar.
O tempo da falta … e o tempo que nos falta, ambos na razão direta do sentido de urgência.
A vida que nos dá é a vida que nos toma. E no duplo sentido de “tomados”, perdemos a liberdade.

Continuar lendo

Anúncios
Etiquetado , , , , ,

Está com medo de mudar? Leia isso.

INKED old guy

 

Nunca é tarde demais para você se transformar naquilo que sempre sonhou ser.

Encontro meu amigo numa festa. Fazia tempo que não nos víamos. Ele me conta do quanto está feliz. De como mudou a sua vida para melhor. Sua aparência está ótima. Você vê na pele e no brilho do olho quando uma pessoa está num momento bom.

Ele tem 40 anos. Trabalhava há 23 anos no setor financeiro de uma grande empresa. Contas a pagar, recebimentos, administração de grana daqui para lá e de lá para cá. Entrou lá como estagiário. E foi crescendo. Ou ficando. Aquele primeiro emprego se tornou uma carreira. E também um grilhão.

Continuar lendo

Etiquetado , ,

Coragem e covardia

Imagem
Por Adriana Tanese Nogueira:

Como alguém bem disse, ser corajoso não equivale a não ter medo, mas a saber superar o medo a fim de não ser por ele detido. Considero a coragem uma das maiores virtudes humanas. Sem ela, praticamente, nada se faz. Nada que valha.

A coragem é um ímpeto, uma força que faz avançar, colocando na sombra as dúvidas. É também a certeza da necessidade de um gesto, um ato ou uma palavra independentemente de suas consequências. Coragem é enfrentar o que se sabe ser inevitável. Muitas vezes, é preciso coragem até para fazer o bem, assim como é preciso de coragem para pôr em prática idéias, projetos, desejos e sonhos. De que adianta pensar corretamente se o pensamento fica preso no crânio porque falta a coragem para torná-lo realidade? E, igualmente, o que vale um sentimento maravilhoso que permanece enterrado no coração por falta de peito para encará-lo e vivencia-lo? De nada, absolutamente nada.

É pela coragem que tomamos atitudes, rompemos o que precisa ser quebrado, e dizemos sim ou não sem mais demoras. Muitas vidas são passadas atravancadas em terrenos psicológicos lamacentos e pegajosos por causa da falta de coragem para fazer o que se sabe precisa ser feito.

Há pessoas que gostam de olhar para outras, e, admiradas, exclamar, “Como você é corajosa!”. Como se isso fosse um dote que a natureza deu de presente, e não uma conquista suada, ao alcance de todos.Ter coragem não exclui passar sufoco, ficar angustiados, ter dúvidas e penar. Para ter coragem é preciso ter a dignidade de sacudir a poeira do comodismo e tomar uma atitude. Todo movimento que chacoalha o que está parado vai trazer “problemas”. A coragem sempre sacode, se não fosse assim não seria preciso de coragem para fazer determinadas coisas. A coragem obriga a enfrentar nossos pontos fracos. Por este motivo, há quem opte por “manter as coisas como estão”… e continuar vivendo à luz da covardia. Continuar lendo

Etiquetado , , , , , ,
Anúncios
%d blogueiros gostam disto: